Dicas para escritores iniciantes! #1

0 Comments
Olá pessoal,


Pensei muito antes de escrever essas dicas para vocês, pois eu acreditava que, com o conteúdo existente na internet, fosse fácil esclarecer as dúvidas. Porém, notei que muitas pessoas ainda têm várias dúvidas e receios quando se trata da publicação.

Então, resolvi criar esse texto com o pouco de experiência que tenho. Quem sabe isso se torna de ajuda para alguém. Não é?!


Créditos da imagem: http://fernandabelem.com.br/


Vamos lá! 


1 - Escrevi meu texto e o que eu faço agora? 

Primeiro, o ideal seria que você procurasse amigos de confiança para ler seu texto. Amigos esses que tenham o costume de ler livros do gênero do seu. Pessoas que leem muito, vão saber analisar seu texto e vão poder te dizer se está bom ou não. Também é bom revisar. Se não puder pagar um revisor profissional, você pode pedir para esses amigos marcarem erros que encontrarem. É muito comum o próprio autor não enxergar os erros no texto, pois está viciado nele e pessoas de fora conseguem ver com mais clareza.

2 - Ok. Escrevi, e meus amigos leram. Acho que está tudo certo. E agora? 

Agora é hora de registrar e garantir seus direitos autorais. Isso é feito na Biblioteca Nacional no Rio de Janeiro. Acesse o site, imprima o formulário e a Guia para pagamento, imprima também uma cópia do seu original. Preencha o formulário, pague a guia no banco e rubrique todas as folhas do seu texto. Envie para eles por correio.
Depois de uns sessenta dias, você receberá o certificado.

    a. Mas para que serve esse certificado?

Primeiro, ele serve para provar que aquela história é sua. Você é o detentor dos direitos autorais. Caso alguém resolva te plagiar, você tem como se resguardar.
Além disso, algumas editoras só aceitam avaliar seu original mediante a apresentação de uma cópia desse registro.

3 - Estou com o registro. E agora, como faço para publicar? 

Bem, agora entramos numa conversa mais séria e você precisa analisar, dentre as opções de publicação que existem, qual é a melhor para você e para aquilo que quer.
Existe a publicação via editora e a independente. Dentro dessas duas, ainda existem várias formas disso acontecer.

PUBLICAÇÃO POR EDITORA

Vou começar falando de publicação com editora, pois acredito que seja a mais procurada.

Primeiro, é importante entender e saber que nem toda editora publica todos os gêneros literários. Tem editoras que focam em um único. Então, você vai precisar pesquisar quais são as editoras que publicam o gênero da sua história.
Depois, precisa entrar no site dela e ver se eles estão aceitando originais. Tem editora que, apesar de publicar o gênero, não investe em escritores iniciantes e é muito provável que elas não aceitem receber originais. Então, não adianta mandar.

Você vai perceber que as editoras têm um padrão para recebimento de originais. A maioria pede que o texto esteja com algumas características, como: fonte Arial 12, espaçamento duplo...
É importantíssimo respeitar esse padrão. Não queira fazer diferente e mandar o texto em rosa, com a fonte bonitinha e tal... Não faça isso!

Algumas editoras aceitam receber o original por e-mail e isso facilita muito, pois você não vai precisar gastar com a impressão e nem com o correio.

*É mais um ponto para se pensar antes de mandar o original por correio para aquela editora que você ama, mas que não tem informação no site ou está fechada para recebimento. Você vai gastar, e eles vão jogar seu original fora.

Bem, as editoras levam algum tempo para responder. Pode variar entre 2 a 6 meses. Se você nunca receber resposta nenhuma, é porque não foi aceito. Algumas fazem isso.

Quando você receber o primeiro sim, não aceite tudo logo de cara. Analise bem o contrato, e converse com os autores que publicaram com aquela editora. Eles poderão te falar se a editora é profissional, se trabalha corretamente ou se desrespeita os autores e clientes.

Tenha em mente, também, que é muito difícil conseguir uma publicação com editora, na qual você não paga nada. Normalmente o aceite vem com uma proposta de negócio, onde você, como autor, irá precisar investir para que seu sonho se torne realidade. Esse valor depende muito do tamanho da editora e do serviço oferecido. Por isso é tão importante pesquisar sobre a editora, conversar com os autores que já publicaram com ela. Assim você saberá se está investindo no que é certo.


PUBLICAÇÃO INDEPENDENTE

Agora, vamos pensar em outra hipótese. De repente, você não é aceito ou então, acha que as propostas das editoras não valem a pena. Como publicar sua obra?
Existem várias formas de levar sua história até os leitores, não só pelas editoras. Uma delas é a publicação independente.

Publicar independente, significa que você será o responsável por tudo na produção do seu livro. Terá que contratar o revisor, diagramador, capista, gráfica e ISBN(esse dois últimos, se for fazer físico). Coisas que normalmente são feitas pela editora, é você quem terá que fazer.

Na publicação independente você tem algumas opções, como:

- Publicar apenas no formato digital (eBook) na Amazon, por exemplo.
- Publicar através de uma plataforma de auto-publicação, como o Clube dos Autores.
- Publicar através de uma gráfica, onde os livros, depois de impressos, vão para suas mãos, para sua casa.
- E até disponibilizar para leitura gratuita em plataformas como o Wattpad.

*Lembre-se de que é importante registrar sua obra na Biblioteca Nacional antes de qualquer coisa.

Formato digital - Amazon

Bem, você escolheu publicar seu livro apenas em ebook. Legal!! Ainda assim, você precisará de alguns profissionais, como: revisor, diagramador e capista.
Não ache que, porque não está com uma editora, não precisa revisar sua obra, ou que os leitores não vão notar os erros que cometemos. Vão sim! E vão abandonar sua história se tiver muitos erros. Então, invista na revisão.
Depois, contrate um bom capista. Você já não tem nome, ninguém conhece sua obra... Se tiver um capa atrativa, as chances de conquistar os leitores é muito maior. E pelo amor, não use imagens do Google para fazer sua capa. Essas imagens tem direitos autorais.
*Para maior entendimento dos direitos autorais de imagens, aconselho ler esse texto:

Posso usar ilustrações alheias no meu livro?

Colocar o livro na Amazon, é simples. Depois vou postar um passo a passo, como eu faço para vocês verem. 

Plataformas de auto-publicação

Sim, a Amazon também é uma plataforma de auto-publicação. Afinal, você está se auto-publicando lá, mas existem plataformas brasileiras que disponibilizam a impressão do livro. Sim! Você pode publicar seu livro no formato físico. 

Atualmente, existem duas formas; pelo KDP (mesmo lugar onde publicamos o e-book) e pelo Create Space. A diferença, basicamente, é o idioma. O Create Space é todo em inglês e o KDP é em português. Nos dois casos, a venda é feita pela Amazon Americana, sendo assim, em dólar. Eu fiz um vídeo, explicando um pouco, pois publiquei um livro meu (Assista Aqui). Mas não é difícil, só tem que prestar atenção a todos os detalhes e conferir passo por passo.



Enfim, além da Amazon, temos também o Clube dos Autores, Bookess e algumas outras que ainda não conheço o trabalho. 
Como no caso do ebook, você também é responsável por tudo e, além do capista, do revisor, vai precisar também de um diagramador para deixar seu livro do tamanho correto para a impressão, pois as plataformas só imprimem, não verificam se seu livro está correto. Então, se você subir o arquivo do tamanho normal do Word, seu livro vai sair todo cortado. 
Além do tamanho correto, o diagramador é o profissional responsável por colocar aqueles detalhes lindos em cada capítulo. 

Gráfica

Outra opção são as gráficas. Tem algumas que trabalham como editoras sob demanda. Você as contrata e elas fazem todo o trabalho. Vão contratar um capista, um revisor, diagramador, vão fazer o ISBN e vão imprimir. Aí, o trabalho delas acaba e você recebe os livros em casa.  
Nesse caso, a gráfica só é uma forma de auxiliar quem não quer ter o trabalho de correr atrás de tudo sozinho. Mas você, ainda, vai aprovar todo o trabalho; vai conferir a capa, a revisão...  e só vai ser feito, se você aprovar. 

E tem a opção de contratá-los apenas como gráfica e correr atrás dos profissionais você mesmo. 

Aí, tem diversas gráficas para escolher. Algumas imprimem tiragens a partir de 100 exemplares e outras imprimem menos, a partir de 10. Mas você vai perceber que quanto maior o número de livros impressos, menor o valor unitário. Acaba que compensando fazer, se puder, uma tiragem maior, para poder vender a um preço mais baixo para o leitor. 

Wattpad 

O Wattpad é uma plataforma de leitura gratuita online. Você não paga nada para colocar suas histórias lá e os leitores também não pagam para ler. 

*Mais uma vez lembrando! Registre sua obra antes de publicá-la em qualquer uma das opções, mas principalmente nesse caso. 

Sendo a plataforma um lugar onde os leitores podem ler de tudo sem pagar nada, muitas pessoas tem arriscado, publicando suas histórias e isso é muito bom. Porém, como sempre, os leitores reclamam muito de obras que não estavam prontas para serem publicadas/disponibilizadas; Erros, falhas, buracos... Isso tudo incomoda quem lê. 
Você pode pensar que por ser de graça, as pessoas não deveriam reclamar, mas elas querem ler coisas legais, e por isso mais uma vez, eu te digo: revise!

Além do Wattpad, existem outras plataformas, como o Widbook. Apesar de ter colocado um dos meus livros lá, não sei muito bem quais são os prós e os contras, usei muito pouco.

Vou deixar aqui, também, uma lista de profissionais que podem lhe ser úteis, como capistas e revisores. Deixando claro que existem muitos outros, esses são aqueles que tenho contato e alguma experiência.


Profissionais literários! 

Helena Dias

Henrique Morais - Portfólio

Marina Avila

Thais Lopes

Décio Gomes

Marcus Pallas

*Alguns fazem apenas capas, outros oferecem vários serviços.


Espero que esse post tenha ajudado você. Qualquer coisa, estou a disposição no inbox do Facebook, sei o quão é importante ter alguém que nos ajude e tire nossas dúvidas no começo.
Conforme outras dúvidas forem surgindo, vou atualizando o postagem.









You may also like

Tecnologia do Blogger.